solitary witch,praticante da magia natural,geminiana,24 anos.

sexta-feira, setembro 23, 2011




O outono é a época do ano, quando todos parecem sentir as energias mágicas da Grande Deusa. A cada mudança do tempo, cada brisa quente ou fria, sentimos  uma forte agitação dentro do nosso espírito.Como as estações começam a transformar a terra verde em diversas outras cores ,sentimos a Deusa ao nosso redor.Sentimos seu enorme poder ,sua majestade ,e uma grande admiração,é neste período que mexe-se com a nossa essência.
   E também um tempo em que ficamos mais ocupados durante o ano.Primeiramente vem samhain com as bençãos de novembro em seguida teremos yule . É um tempo em que maioria das pessoas ficam mais conciêntes de seu poder espiritual.Nesta época do ano sentimos o desejo de estarmos conectados com a Deusa e descobrir uma parte dela em nós .
  Temos estações e magias escondias em cada um de nós.no entanto o mais importante são as benções e as maravilhas da Deusa.
       As luas negras são um momento e encontro com a familia ,um tempo para honrar a deusa e seus feitos milagrosos de magia ,cura e ficar cercado de energia.no entanto a cada dia se aprende a honrar a Deusa na hora de invocá-la ou na hora da devoção.devemos nos conectar com a Deusa atravéz da meditação diária . Não é apenas a autoridade e o poder da Deusa que nos honra mas seu espirito. Quando chamamos a Deusa ela renova nossa alma .
 A deusa está dentro do nosso coração ,do nosso espirito é a essência do nosso ser.
 Cada vez que a trazemos para dentro de nós ,ela nos dá força para não esquecer quem somos.Devemos enxergar além do que os outros vêem ,para que se possa ver o que existe escondido em suas palavras e ações.
  A deusa é um espirito vivo,não apenas o poder que chamamos quando precisamos em um ritual.A Deusa não é a mesma para todos nós ,ela tem milhares de nomes  ,alguns vêêm a Deusa como donzela ,jovem com a inocencia da juventude .Outros a enxergam como a anciã ,uma mulher de sexualida ,fértil ,uma mulher forte crescendo em seu proprio poder pessoal.Outros ainda a vêm como anciã ,uma idosa cheia de sabedoria,com compreensão e experiencia de vida ,sem medo do que está por vir .Pra outros cada aspecto da Deusa é englobado dentro de esclarecimentos diferentes ,nomes diferentes...
No entando percebemos que existe uma Deusa pessoal em cada um de nós ,procuramos a Deusa que nos dá relação individual com ela.Quando eu estou diante da Deusa e a honro ,acabo por não ter a mesma visão ,pois ela me dá outra visão.Não existem regras ,não precisamos ,vê-la sempre da mesma maneira.




Consciência Deusa diária; Invocação, Mediação, Devoção 


Invocação: É todo o tempo que tens para honrar e louvar a Deusa. Separe um momento para acender uma vela a cada manhã ;Ao fazer isso terá honra e respeito até na forma em que ver a Deusa.Pode ser algo diferenciado a cada dia de acordo com seus sentimentos. Algumas pessoas sentem-se confortável a falar algumas palavras ou cantar.Tudo o que decidir fazer,que seja feito de coração.Então sempre que olhar para a vela durante o dia ,você irá lembrar da parte que existe em você ,em seu caminho espiritual.




Meditação: A meditação é a forma em que muitos  aprenderam a chamar a Deusa para seu interior.Na meditação é possível entrar no estado de consciência ,e liberdade para trazer clareza ao espirito.Com a sua mente limpa e livre tomará consciência de que está fora do corpo físico.Depois em que se tornar ciente da consciencia exterior ,você pode procurar a Deusa dentro do seu espirito ,da forma que você sabe dela.Cada vez compreendendo mais o que o elemento espiritual compartilha.


Devoção: Uma devoção pessoal realizada a cada dia de maneira simples ,sintoniza a Deusa dentro do seu espirito.
Tenha sempre um momento diário para agradecer a Deusa,da sua forma.É o momento em que você dá honra a Deusa e ela lhe dá seu poder pessoal.Torne isso como uma rotina ,e logo isso se tornará sua tradição pessoal.






Esta consciência diária,invocação,meditação e devoção ,serve tanto para quem trabalha com a Deusa e o Deus,senhor e senhora.Isso depende das suas tradições pessoais e o seu ponto de vista dentro de suas proprias crenças.
Para alguns pode parecer difícil manter um compromisso diário ,nem sempre é fácil.Alguns dias pode acabar esquecendo mas é algo super normal,você está tentando se adaptar a um novo hábito .Mas com o tempo e determinação ,fará parte de seu espirito a cada dia.
    Tenha um tempo para este trabalho diário ,ate se adequar a seu caminho espiritual.Dizem que precisa-se 21 dias de ações repetidas para se tornar uma nova rotina,um habito.





"Todas as maravilhas e milagres, 
Todas as criaturas sobre a terra, 
Todas as coisas sábias e belas; 
Nossa Mãe deu-lhes o nascimento. "



Continue reading


A História de Ostara 

 Gostaria de compartilhar com todos este conto escrito pela bruxa Serenity Starbright Dilsworth ,escreveu para sua neta em 1996,Ele é escrito para crianças pequenas para que possam entender melhor por que temos coelhos, ovos e lírios durante Ostara. 


Muito, muito tempo atrás, antes de você nascer ... e antes que sua mãe nascesse ... e mesmo antes de sua mãe, a mãe de sua  mãe nascer ... o mundo era uma terra congelada ... neve e gelo estava em todo lugar e a  Primavera estava atrasada. Ela estava muito chegando muito tarde ainda sentia -se a  respiração fria do Inverno,O homem  varria as terras para mantê-la  coberta de gelo e neve. 

Pouco Juliet foi caminhando através da neve em busca de galhos caídos para levar para casa a sua mãe e seu  pai para usar como lenha na lareira. O vento frio fez seu nariz e bochechas ficarem em vermelho brilhante, e ela estremeceu dentro de seu manto. 

"Brrrrrrr!" ela disse em voz alta. "É tão frio!" Sua respiração era visível no ar enquanto ela falava , ela puxou seu manto de lã mais firmemente sobre ela. Juliet caminhou lentamente pela floresta à procura de pequenas pontas dos galhos pequenos ,piscava atravéz da neve .com minusculas pegadas seguindo a seu progresso.

Juliet se abaixou para pegar um pequeno ramo de debaixo de uma grande árvore de carvalho velho e começou a colocá-lo junto a  seu corpo, sussurrando um agradecimento à árvore para fornecer os ramos que ela precisava quando de repente viu um pássaro pequeno, quase congelado parcialmente enterrado em a neve. 

"Oh! Oh!" ela chorou enquanto ela deicava cair o pacote. Ela gentilmente pegou o pássaro e segurou-o dentro de sua capa para aquecê-lo. Ela mal podia sentir  o coração batia  pouco e ela chorou quando percebeu suas asas e pés estavam quase congelados ,

"Oh minha senhora  Eostar  ! Por que você abandonou todos nós!? Venha e veja o que você tem feito por esta ave certamente vai morrer porque você está tão distante?." Juliet clamou em alta voz para o céu de inverno. 

Lady Eostar, a Deusa da Primavera, ouviu o grito de Julieta e ela correu rapidamente pelos céus para encontrar a pequena Julieta. Ela olhou para baixo de uma nuvem  e para a floresta e viu  Julieta lá em baixo entre as árvores. O vento estava muito forte e até mesmo de tão longe, a Deusa podia ver que ela estava segurando algo com força no peito e chorando alto. 

Rapidamente a Deusa vestiu sua melhor roupa vermelha e como Lady Eostar, a Deusa da Primavera desceu dos céus para a Pequena Julieta, o céu começou a ficar azul e quando chegou a terra, a neve eo gelo começou a derreter ea grama começou a crescer. O sol estava brilhando em breve e onde Lady Eostar, a Deusa da Primavera, colocou os pés , alto lírios brancos surgiram e abriram suas trombetas . 

Então a Deusa se aproximou de julieta e  ela disse bem baixinho: "Por favor não chore pequena julieta , Eu sinto muito ter chegado tarde . Eu realmente não queria ter feito uma coisa dessas." 

Então julieta fez uma pequena reverência  (para ela era um sinal de respeito e educação) e então ela começou a chorar.

"Oh minha senhora ... você está muito atrasada!" ela chorou quando ela abriu seu manto e ficou diante do corpo do passarinho congelado. O pobre passarinho já tinha morrido. " 

Lady Eostar, a Deusa da Primavera sentiu muito, e ficou muito triste. 

"Não chore, pequena julieta eu prometo que nunca vai ser tão tarde novamente. Deixe-me ver o que podemos fazer para fconcertar as coisas, mais uma vez. 

Lady Eostar, a Deusa da Primavera, tocou o pobre passarinho e as asas , caiu em seu corpo congelado  um cobertor de pele branca e suave espalhou sobre ele. Julieta  ficou um pouco espantada  pois   o passarinho ficou com   orelhas muito longas e fortes pernas traseiras e uma cauda longa e porem um  pouco confuso. Logo ele começou a se contorcer nas mãos de Julieta. 

Sorriso de Julieta refletia com o  sol em sua alegria, e um coelho branco pulou para perto do chão, e ele  deixou um ovo de cor pastel em suas mãos. Lady Eostar, riu alegremente e disse Julieta ... "Esta é  a minha promessa a você para nunca ser tão tarde outra vez para sempre que o coelho vir lhe  visitar e lhe  deixar um ovo colorido, você deve saber que a Primavera está ao virar da esquina e que em breve vou estar lá." 

A Deusa bela deu um beijo em julieta e acenou adeus enquanto caminhava de volta para o céu azul brilhante e desapareceu atrás de uma pequena nuvem branca. 

E essa é a verdadeira razão pela qual temos coelhos e ovos coloridos na Páscoa. 



Desejo a todos uma feliz Ostara!Blessed be!

Continue reading





    Tive muitos relacionamentos e nunca escondi minha religião ,entretanto no ultimo relacionamento eu não falei quase nada sobre meu lado religioso ,pois  havia descobrido que estava com um cristão fervoroso.Em todos meus relacionamentos quando meus namorados viam meu book of Shadows ,depois de umas três semanas terminavam.Outros argumentavam e chegavam a quase discutir e brigar.É o mesmo que você ser um rocker e seu parceiro ouvir samba ,você odeia samba ,e seu parceiro odeia rock ,cada um ouve sua musica em seu canto ,porem quando começam a discutir sobre o tema acabam discutindo e não chegando a lugar nenhum ,chega tanto a ser algo violento como o fim de um relacionamento.
  A Primeira discussão que houve em um dos meus relacionamentos foi com meu segundo namorado,ele era testemunha de jeová ,contei a ele que eu lia tarot ,que era wicca ,porem ele tentava me impor a religião dele não respeitando a minha,a família dele toda era testemunha de jeová ,isso gerava um conflito de ideias ,porem esse também foi um dos motivos que gerou o fim do namoro.o ultimo foi o pior ,como eu havia dito a cima :" era um católico ferveroso" ,mas que quase chegou a partir pra violência.Ele não sabia que eu era bruxa,porém começou a dizer que eu tinha algo diferente ,que eu não era normal ,e chegou ao ponto de tanta pressão que vimos um demônio na cama e ele me fez ver seus Dvds de padre e musica gospel,ou eu via ou ele partiria a violência e a loucura.enfim ,estou bem ,voltei a minha terrinha magica e estou tranquila.
  Acho que que antes de um sentimento aparecer em nossas vidas devemos ver as razões ,os motivos ,o porque gostamos daquela pessoa.ter coisas em comum é um fato importante para não haver esses conflitos ,porém se existe respeito e entendimento o relacionamento anda mesmo em áreas diferenciadas.
 Existem outros pontos importantes como onde o casal vai se casar,como irão educar os filhos,o batismo da criança, isso quando os casais tem tradições diferenciadas ,tudo deve ser conversado e detalhado quando se amam ,se respeitam e decidem viver juntos com diferenças.afinal todas as religiões pregam o amor! não é mesmo?





Continue reading



Hoje sonhei com um monte de ciganos me perseguindo ,choveu ,um dia um pouco monótono ,não vejo a hora de chegar Beltane ,colocar as aboboras em frente de casa ,fazer bolo de cemitério ,chá magico ,e a fins...o Bolo cemitério é meu favorito ,alem do mais faço com minha mãe rsrs é muito divertido e gostoso.



Faz uma nega maluca normal ,minha indicação é colocar granulado verde pra representar a grama ,e ai as pedras da tumba você faz com bolacha de maisena.eu amooooooooo!!!!Nostalgia...



Continue reading

quarta-feira, setembro 21, 2011



Gerald Gardner era um funcionario británico que passou
boa parte de sua carreira destacando na India. quando saiu
da Inglaterra, se iniciou na wicca através de um
grupo que se autodominava " O novo coven do bosque"
liderado por uma  mulher  chamada Dorothy Clutterbuck.
 pertenecía a um grande grupo de bruxas de um coven que ja existia a décadas.
Gardner era maçom en seus  tempos de funcionario
na Índia, tambem havía estudado misticismo oriental
durante  a maior parte de sua vida e, havía escrito varios livros
sobre o tema.
Gardner reuniu uma bruxaria hereditaria no grupo em que havia se iniciado ,e ficou assim sendo chamado de wicca ,com cerimonias pseudo-maçonicas misturada com outras praticas que estavam na moda.
perto da primeira guerra mundial  ,criando a religião Wicca Gardineriana.


Em 1949, Gardner publicou um livro de ficção, de alta
Aid Magic (Assistência de Alta Magia), que detalhou
o trabalho de um coven Inglês, destinado a repelir
Hitler usando forças mágicas.

Na Grã-Bretanha, a última lei condenando as
bruxas à morte foi retirada em 1951. Dada esta situação,as
bruxas na Grã-Bretanha tinha mantido até

então, suas práticas em segredo. Em 1954, Gardner publicou
outro livro, bruxaria hoje, a cerca de
suas práticas, em que ele declarou que a bruxaria britânica
estava ativo e com boa saúde. além disso,

para confessar-se como uma bruxa.
Nesse ponto, Gardner tornou-se famoso durante o
resto de sua vida, ele flertou com os meios de comunicação tornando-se o
bruxa oficial do país, mesmo assim fundou um museu de bruxaria
na Ilha de Man, no momento de sua morte, A Wicca
Gardneriana foi bem estabelecida e teve sua primeira
sub-fonte (  Wicca Alexandriana ) e um número
de covens na Grã-Bretanha, Europa e América.
A Wicca Gardneriana  não é a única que sobreviveu
desde os dias de caça às bruxas. Mas foi a primeira
a atingir níveis de popularidade bastante importantes.

 Livros de Gardner e inúmeras entrevistas
serviram  para mostrar ao mundo a realidade da moderna
prática de feitiçaria, razão pela qual Gardner foi considerado
como o fundador da Wicca moderna.
Desde 1951, muitos wiccanos evoluíram a partir da tradição Gardneriana, tão rigorosa para com outros objetivos. Wicca eclética é considerada a mais comum tradição wicca.Nos
Estados Unidos, embora o sigilo e a confidencialidade

em torno dela ,é  impossível saber quantos
membros conta.


Continue reading

segunda-feira, setembro 19, 2011



Grande Cernunnos, protetor, pai e senhor das florestas.


O Consorte da Deusa ,senhor Cornífero foi associado ao diabo (aquele vermelho de chifres e um tridente) pela igreja católica.Mas vamos mais uma vez voltar lá traz nos tempos primordiais ,como dizem os sábios "para entender o presente vamos voltar ao passado".

A figura de tipo cornudo "Cernunnos" no caldeirão Gundestrup.


nessa representação ele possui torques pendurados nos chifres.

Deus de Etang-sur-Arroux, uma representação possível de Cernuno. Ele veste um torque no pescoço e sobre o peito. Duas cobras com cabeças de carneiro o circundam na cintura. Duas cavidades no topo de sua cabeça estão provavelmente projetadas para receber cornos de veado. Duas pequenas faces humanas nas costas de sua cabeça indicam que ele é tricefálico.Musée d'Archéologie Nationale.

Entalhe de rocha de uma figura com chifres nos Parque nacional de Naquane,Itália.

O Deus é a colheita plenamente madura, o vinho inebriante extraído das uvas, o grão dourado que balança num campo ,as maçãs vicejantes que pendem de galhos verdejantes nas tardes de outono.

O Deus Cornífero é o Deus fálico da fertilidade. Geralmente é representado como um homem de barba com casco e chifres de bode. Ele é o guardião das entradas e do circulo mágico que é traçado para o ritual começar. É o Deus pagão dos bosques, o rei do carvalho e senhor das matas. É o Deus que morre e sempre renasce. Seus ciclos de morte e vida representam nossa própria existência.

Ele nasce da Deusa, como seu complemento e carrega os atributos da fertilidade, alegria, coragem e otimismo. Ele é a força do Sol e da mesma forma , nasce e morre todos os dias, ensinando aos homens os segredos da morte e da renascimento.
Segundo os Mitos pagãos o Deus nasceu da Deusa, cresceu e se apaixonou por Ela. Ao fazerem amor a Deusa engravida e quando chega o inverno o Deus Cornífero morre e renasce quando a Deusa dá a luz. Este Mito contém em si os próprios ciclos da natureza onde no Verão o Deus é tido como forte e vigoroso, no outono ele envelhece, morre no inverno e renasce novamente na primavera.
Para a maioria pode aparentar meio incestuoso, quando afirma-se que o Cornífero seja filho e consorte da Deusa, mas isto era extremamente comum aos povos primitivos onde os indivíduos se casavam entre os próprios familiares para conservar a pureza da raça. Além disso simbolismo do Mito deve ser observado, pois todas as coisas vieram do ventre da Grande Mãe inclusive o próprio Deus e por isso para Ela Ele deve voltar.
O culto aos Deus Cornífero surgiu entre os povos que dependiam da caça, por isso Ele sempre foi considerado o Deus dos animais e da fertilidade, e ornado com chifres, pois os chifres sempre representaram a fertilidade, vitalidade e a ligação com as energias do Cosmos. Além disso a Bruxaria surgiu entre os povos da Europa, onde os cervos se procriam com extremada abundância, por isso eram freqüentemente caçados, pois eram uma das principais fontes de alimentação. Com a crescimento do Cristianismo e com a intenção do Clero em derrubar Bruxaria, a figura atribuída ao Deus Cornífero acabou por personificar o Diabo e na atualidade resgatar o status deste importante Deus torna-se bastante difícil.
O Deus Cornífero representa a luz e a escuridão, a imortalidade e a morte, a interrupção a continuidade. Cernunnos, como também é chamado, simboliza a força da vida e da morte. É o amante e filho da Deusa, o senhor dos cães selvagens e dos animais. É ele que desperta-nos para a vida depois da morte. Representa o Sol, eternamente em busca da Lua. Seus chifres na realidade representam as meias-luas, a honraria e a vitalidade e não uma ligação com o Diabo. Ainda hoje existe muito confusão a cerca da Bruxaria e isto se deve a Igreja Medieval que transformou os Bruxos antigos em Feiticeiros do Demônio, por conveniência.
O culto à Deusa Mãe e aos Deus Cornífero é pré-cristão, surgiu milênios antes do catolicismo e do conceito de Demônio, o qual jamais foi adorado, invocado, cultuado e reverenciado nas práticas pagãs ou como deidade da Bruxaria.
A Arte Wiccaniana remonta os homens das cavernas e para entendermos o porque uma divindade com chifres foi reverenciada pelos Bruxos de antigamente e é reverenciada até hoje pelos Bruxos modernos temos que pensar como nossos antepassados.
Os chifres sempre foram tidos como símbolo de honra e respeito entre os povos do neolítico. Os chifres exprimem a força e a agressividade do touro, do cervo, do búfalo e de todos animais portadores dos mesmos. Entre os povos do período glacial uma divindade era representada com chifres para demonstrar claramente o poder da divindade que o possuía.
Quando o homem saia em busca de caça, ao retornar à sua tribo colocava os chifres do animal capturado sobre a sua cabeça, com a finalidade de demonstrar a todos da comunidade que ele vencera os obstáculos. Graças a ele todo clã seria nutrido, ele era o "Rei". O capacete com chifres acabou por se tornar em uma coroa real estilizada.
Muitos Deuses antigos como Baco, Pã, Dionísio e Quíron foram representados com chifres. Até mesmo Moisés foi homenageado com chifres pelos seus seguidores, em sinal de respeito aos seus feitos e favores divinos.
Os chifres sempre foram representações da luz, sabedoria e conhecimento entre os povos antigos. Portanto como podemos perceber, os chifres desde tempos imemoráveis foram considerados símbolos de realeza, divindade, fartura e não símbolo do mal como muitos associaram e ainda associam-nos. O Deus Cornífero é então o mais alto símbolo de realeza, prosperidade, divindade, luz sabedoria e fartura. É o poder que fertiliza todas as coisas existentes na terra.
A Grande Mãe e o Deus Cornífero representam juntos as forças vitais do Universo

PRINCÍPIO MASCULINO DO DEUS

Da mesma forma que toda luz nasce da escuridão, o Deus, símbolo solar da energia masculina, nasceu da Deusa, sendo seu complemento, e trazendo em si os atributos da coragem, pensamento lógico, fertilidade, saúde e alegria. Da mesma forma que o sol nasce e se põe, todos os dias, o Deus nos mostra os mistérios de Morte e do Renascimento. Na Wicca, o Deus nasce da Grande Mãe, cresce, se torna adulto, apaixona-se pela Deusa Virgem, eles fazem amor, a Deusa fica grávida, o Deus morre no inverno e renasce novamente, fechando o ciclo do renascimento, que coincide com os ciclos da Natureza, e mostra os ciclos da nossa própria vida. Para alguns, pode parecer meio incestuoso que o Deus seja filho e amante da Deusa, mas é preciso perceber O verdadeiro simbolismo do mito, pois do útero da Deusa todas as coisas vieram, e, para ele, tudo retornará.E, se pensarmos bem, as mulheres sempre foram mães de todos os homens, pelo seu poder de promover o renascimento espiritual do ser amado e de toda a Humanidade. O sentido profundo do simbolismo na Bruxaria só pode ser verdadeiramente entendido através da meditação e do contato intuitivo com a energia dos Deuses. O Deus tem sido reverenciado há eras.
Ele não é a deidade rígida, o Todo-Poderoso do cristianismo ou do judaísmo, tampouco um simples consorte da Deusa. Deus ou Deusa, eles são iguais, unidos. Vemos o deus no Sol, brilhando sobre nossas cabeças durante o dia, nascendo e pondo-se no ciclo infinito que governa nossas vidas. Sem o Sol, não poderíamos existir; portanto, ele tem sido cultuado como a fonte de toda a vida, o calor que rompe as sementes adormecidas, trazendo-as para a vida, e instiga o verdejar da terra após a fria neve do inverno.
O Deus é também gentil com os animais silvestres. Na forma do Deus Cornudo, ele é por vezes representados por chifres em sua cabeça ,que simbolizam sua conexão com tais bestas. Em tempos mais antigos, acreditava-se que a caça era uma das atividades regidas pelo Deus, enquanto a domesticação dos animais era vista como voltada à Deusa. Os domínios do deus incluíam as florestas intocadas pelas mãos humanas, os desertos escaldantes e as altas montanhas.
As estrelas, por serem na verdade sóis distantes, são por vezes associadas a seu domínio. O ciclo anual do verdejar, amadurecer e da colheita vem há muito sendo associado ao Sol, daí os festivais Solares da Europa, os quais são ainda observados na Wicca.
O Deus é a colheita plenamente madura, o vinho inebriante extraído das uvas, o grão dourado que balança num campo, as maçãs vicejantes que pendem de galhos verdejantes nas tardes de outono. Em conjunto com a Deusa, também ele celebra e rege o sexo. A Wicca não evita o sexo ou fala sobre ele por palavras sussurradas.
É uma parte da natureza e assim é aceito. Por trazer prazer, desviar nossa consciência do mundo cotidiano e perpetuar nossa espécie, é considerado um ato sagrado. O Deus nos imbui vigorosamente no desejo que assegura o futuro biológico de nossa espécie.
Símbolos normalmente utilizados para representar ou cultuar o Deus incluem a espada, chifres, a lança, a vela, ouro, bronze, diamante, a foice, a flecha, o bastão magico, o tridente, facas e outros.
Criaturas a ele sagradas incluem o touro, o cão, a cobra, o peixe, o dragão, o lobo, o javali, a águia, o falcão, o tubarão, os lagartos e muitos mais. Desde sempre, o Deus é o Pai do Céu, e a Deusa a Mãe da Terra.O Deus é o céu, da chuva e do relâmpago, que desce sobre a Deusa e une-se a ela, espalhando as sementes sobre a terra, celebrando a fertilidade da Deusa.

fontes de pesquisa: wikpédia,imporio wicca
Continue reading




Vamos voltar aos primórdios da terra para entender o surgimento da nossa mãe.A Deusa criou tudo e todos e até mesmo o masculino. No entendimento primitivo a mãe precedeu o nascimento do pai.Percebe-se isto em diversos mitos sagrados anteriores ao patriarcado e quanto mais antigos forem os mitos mais surgem confirmações do mesmo.


Quando os povos primordiais compararam a mulher com a terra á poderes divinos ,conspirou -se que quem havia criado todo o universo foi o feminino ,pois a mulher é o unico ser que pode dar a luz,sendo assim nossos ancestrais passaram a acreditar que tudo foi criado pela Deusa.


O pessoal do periodo neolitico e paleolitico tinham a crença que as mulheres engravidavam deitadas ao luar atravéz da mãe lua.eles viam a mulher como a chave do poder da criação assim o universo foi indentificado com a grande Deusa.Nada mais lógico para uma sociedade em processo de evolução ,pois não é do ventre que todos saimos?


A deusa é o poder feminino que dá vida ao mundo e fertiliza a terra.





Abaixo algumas representações da Deusa.


de cultura para cultura a Deusa é cultuada sobre diferentes nomes porem sempre representando fertilidade ,maternidade ,amor.Ela é reverenciada em todas as partes do mindo.


Deusa paleolitica Vênus









1) Ankh Nes Meryre e filho Pepi.
2) Cyprus.
3) Madonna Guanyin, deusa da misericórdia
4) Matrika de Tanesara da India
5) Yasoda e Krishna.
6) Mãe e Filho 2000-1850 B.C.
7) Mexico, Jalisco 200 B.C.- 500 A.D.
8) Maya.
9) Mexico, Colima 200 B.C.- 500A.D.
10) Mykene, Grécia
11) deusa Sun , Arinna.
12) Virgem Maria (esta não é a virgem Maria da Bíblia)



Continue reading

domingo, setembro 18, 2011



Sei que a maioria dos chineses sabem da existência do
"cara obscura " do universo. Eles podem incluir ou não o perverso. segundo a crença, mas, em geral, o que é chamado Luzes brilhantes ou benéfico, criando ou

construído. Ele chamou das Trevas é o que destrói e faz danos. Poderíamos chamar esses princípios de outra maneira, como Criação e Entropia. Wiccas em vez de combinar tudo com Trevas ,ruim ou mal, elas entendem que o escuro é uma parte inseparável da vida e do universo.
Embora o estrume é composto de materiais
em decomposição, Qual jardim poderia sobreviver sem estrume?
Este material está dentro do obscuro ,e traz beneficios ,do mesmo modo que a morte é um processo obscuro,mas porém parte integrante de nossa vida.
Pagãos adoram a morte como uma parte natural
um ciclo anual. Portanto, wiccanos preferem pensar que o
escuro é um aspecto natural da vida que não ha de temer nem evitar. mas de a entender e respeitá-la,uma vez que ela desempenha um papel essencial na natureza.Morte e destruição são processos naturais, mas
quando falamos de morte e destruição como ações ,condutas específicas alguém com um objetivo pessoal, ele é chamado de mal. Quando um rio transborda e destrói um edifício, o escuro entra em jogo, mas é de uma força natural, sem má intenção.
Mas se alguém explodiu um edifício para fazer o mal,então falamos do mal. . Não é apenas o ato,
mas a intenção por trás dele.Na Wicca temos um Sabbat dedicado a morte que nos faz lembrar de que o escuro é parte integrante do ciclo de vida, morte e renascimento.


Continue reading

" Trate os demais como gostaria que tratassem a ti"

Esta regra é tipo o contrario da lei de três,e um bom guia para manejarmos a vida.
A regra de ouro nos torna mais responsáveis em nossas ações e em nossas consequências.
Bruxas e bruxos não se confessam e nem podem conseguir obter a solução de seus pecados,se espera para que enfrentem seus atos e se tornem responsáveis por seus erros.Se não acabam por examinar o que fizeram de mal e o motivo pelo qual lhe impulsionou fazê-lo.
Desta maneira se faz conciênte e pode evitar tais problemas no futuro.Sempre que possivel sempre se emenda a situação ao momento presente.

Continue reading



Em nossa vida encontramos vultos,fantasmas ,todo tipo de ser fora daquilo que as pessoas chamam de comum,eles fazem parte de nossa vida de bruxa apartir do momento em que se ergue-se o véu.Muitos sentem medo,ainda mais quando se torna algo fisico,procure se acalmar pois o medo é normal.O que acontece é que você acaba abrindo o canaç de percepção que antes estava fechado ,algumas pessoas chegam a sentir tanto medo que acaba por vez fechando este canal novamente,outras acabam se acostumando com isso.

Como separar os dois mundos?

existe um ritual muito simples.


Abrindo e fechando o véu

Com a mão dominante (a qual escreve) como se estivesse abrindo uma cortina ,visualize a cortina e diga :

_ Eu abro o véu.

quando encerrar a prática mágica ,faça o mesmo,mas desta vez feche a cortina dizendo:

_ Eu fecho o véu.

isso deixa seus mundos real e mágicos separados evitando que se misturemem seu dia a dia.



(revista wicca-feitiços)

Continue reading


" Tudo o que fazemos de bom ou ruim
volta multiplicado por três"


Se um lhe dá amor ,receberá três vezes o amor que lhe foi dado.pois se damos negatividade,isso é o que recebemos.Este é um dos princípios que evita com que os wiccanos usem maldições sobre os demais .Devido ao que os pagãos praticam a magia ,existe a possibilidade para que a utilizem para seu próprio interesse e de maneira negativa.
Aos wiccanos se ensinam o que é a magia negra,pois se a seguirem a lei do três devem a evitar.









Continue reading

sábado, setembro 17, 2011



Os hiroglifos (alfabetos mágicos),são usados a muito tempo por estudiosos da magia como uma boa forma de preservar seus escritos dos curiosos de plantão,ou concorrentes,e também como uma forma de respeito,pois muitos achavam que usar o alfabeto comum era imoral,ou seja com o alfabeto comum as pessoas escreviam qualquer porcaria. rrsrs utilizei muito na época da escola pra troca recado com as amigas rsrs.




Alfabeto das Runas


Alfabeto de Thebas 


Alfabeto cruzando  o rio e celestial









Continue reading


 



Não existem bruxas nem boas,nem malvadas.e sim existem bruxas felizes ,loucas,despachadas ,sorridentes alucinadas.No mundo da magia temos a liberdade para seguir tanto o bem quanto o mal.

As bruxas conhecem somente uma lei " a causa e o efeito" e portanto não são escravas desta mesma,a conhecem,a dominam ,se esquivam ,a manipulam e chegam a enfrenta-la sendo assim a ultima das saídas.Jogam com o poder como jogam com uma bola sem trabalho algum,com o respeito que os mortais não são capazes de entender.
As bruxas são amigas da noite e não a temem,encontram nela o poder do infinito e ilimitado.
São livres dos significados humanos ou suas regras.Para as bruxas o negro não é simbolo de nenhum mal e o branco não é nem melhor nem mais apreciado que nenhum outro elemento universal.Conhecem muito bem o medo,pois para elas isso não é nenhum inimigo e sim é a essência para com que consigam dominar as criaturas menores.As emoções humanas pertencia,para elas não são mais que alucinações daqueles que compreendem as leis do cosmo.

Os trages de uma bruxa podem variar com a região de sua origem.são como o camaleão ,se desfazem de acordo com o ambiente,por isso pode parecer difícil reconhecer algumas.
Porem com todo cuidado ,observe ,existe um tom ,uma cor,um cheiro em seus campos de energia que é como as frutas falam em suas arvores,o sentimento que seus animais produzem,sempre nos advertirá de sua presença.

Existem bruxas de todos os tipos e manejam magias de toda indole,desde a china,passando pelo japão,Russia,Europa e África...desde Mayas até as havaianas.


este texto eh baseado em outro mas não chapado kkk
Continue reading

sexta-feira, setembro 09, 2011


Continue reading

domingo, setembro 04, 2011




Que eu seja como a que tece o pano na floresta, profundamente escondida.
Que eu possa fazer o meu trabalho sem interrupção.
Que eu seja uma exilada, se é este o sacrifício.
Que eu conheça a procissão sazonada do meu espírito e do meu corpo, e possa celebrar os quartos em cruz, solstícios e equinócios.
Que cada Lua Cheia me encontre a olhar para cima, nas árvores desenhadas no céu luminoso. Que eu possa acariciar flores selvagens, cobri-las com as mãos.
Que eu possa libertá-las, sem apanhar nenhuma, para viver em abundância.
Que meus amigos sejam da espécie que ama o silêncio.
Que sejamos inocentes e despretensiosos.
Que eu seja capaz de gratidão.
Que eu saiba ter recebido a alegria, como o leite materno.
Que eu saiba isso como o meu cão, nos ossos e no sangue.
Que eu fale a verdade sobre a alegria e a dor, em canções que soem como o aroma do alecrim,
como todo o dia e na antigüidade, erva forte de cozinha.
Que eu não me incline à auto-integridade e à autopiedade.
Que eu possa me aproximar dos altos trabalhos da terra e dos círculos de pedra, como raposa ou mariposa, e não perturbar o lugar mais que isso.
Que meu olhar seja direto e minha mão firme.
Que minha porta se abra àqueles que habitam fora da riqueza, da fama e do privilégio.
Que os que jamais andaram descalços não encontrem o caminho que chega à minha porta. Que se percam na jornada labiríntica.
Que eles voltem.
Que eu me sente ao lado do fogo no inverno e veja as achas brilhando para o que vier, e nunca tenha necessidade de advertir ou aconselhar, sem que me peçam.
Que eu possa ter um simples banco de madeira, com verdadeiro regozijo.
Que o lugar onde habito seja como uma floresta.
Que haja caminhos e veredas para as cavernas e poços e árvores e flores, animais e pássaros,
todos conhecidos e por mim reverenciados com amor.
Que minha existência mude o mundo não mais nem menos do que o soprar do vento, ou o
orgulhoso crescer das árvores.
Por isso, eu jogo fora minha roupa.
Que eu possa conservar a fé, sempre.
Que jamais encontre desculpas para o oportunismo.
Que eu saiba que não tenho opção, e assim mesmo escolha como a cantiga é feita, em alegria e com amor.
Que eu faça a mesma escolha todos os dias, e de novo.
Quando falhar, que eu me conceda perdão.
Que eu dance nua, sem medo de enfrentar meu próprio reflexo



Fonte : livro - A bruxa solitária -Lições a aprendizes de bruxaria

Continue reading

quinta-feira, setembro 01, 2011




Escolha a vela cor apropriada e com o seu boline,ou faca e  comece a esculpir um símbolo que representa o seu objetivo mágico, com foco nesse objetivo, enquanto escreve na vela ,Coloque  um cristal de quartzo com o mesmo objetivo e  ao lado da vela e colocar por perto de  sua cama. Toda noite, acenda  a vela e medite, com foco no resultado pretendido. 
Repita este ritual todas as noites, durante 7 dias, ou até que seu objetivo seja alcançado.


Continue reading




LONDRES - Um livro  de 350 anos de idade, que documenta os ensaios de mulheres condenadas por bruxaria na Inglaterra durante o século 17 foi publicado online. 


O caderno escrito por Neemias Wallington, um puritano Inglês, relata o destino de mulheres acusadas de ter relações com o diabo numa altura em que a Inglaterra estava envolvido por  uma guerra civilO documento revela os detalhes de um julgamento realizado em Chelmsford por bruxaria em julho de 1645, quando mais de uma centena de bruxos suspeitos foram cumprindo pena em Essex e Suffolk de acordo com a sua conta. 


Wallington também relata as experiências de Rebecca West, uma bruxa suspeita que confessou ter dormido com o diabo, quando ela foi torturada porque "ela encontrou seu Selfe nas extremidades como de tortura e espanto que ela não iria suportar) que againe para o mundo. " Sua confissão poupados dela. 

Carol Burrows, que conseguiu a digitalização do diário, na quinta-feira à Reuters que a revista Wallington foi importante por causa de suas ligações com a guerra civil. 

"É uma conta pessoal e que nos diz muito sobre o tempo - eram tempos difíceis", disse ela. 

"É em Inglês e é muito fácil de ler assim que vai ser de interesse para o público em geral, bem como estudiosos", acrescentou. 

O manuscrito é um dos sete Wallington de livros de anotações  sobreviventes. O woodturner escreveu 50 revistas sobre a religião, a guerra civil e julgamentos de bruxaria durante o curso de sua vida. 

Uma equipe da Universidade de John Rylands de Manchester Center for Imaging and Heritage Cuidados Colecção passou duas semanas fotografar o livros com anotações ,mantida a Tatton Hall, em Cheshire, para que pudessem torná-lo disponível online. 

O notebook pode ser visto gratuitamente no http://chiccmanchester.wordpress.com/






Continue reading

 (aqui estão os meios pelos quais você poderá criar o seu próprio feitiço,observações básicas)

 
Conhecer os princípios básicos 



Saber o que é magia. Conhecer diferentes maneiras de levantar, a energia direta e solo.Saber como lançar um círculo mágico. Sabe como abrir um círculo. Conhecer o esquema básico de um feitiço.

Conhecer a intenção ou o propósito 

O que é que você está tentando fazer? Curar uma doença? Aumentar a sua concentração? Trazer o amor em sua vida? Vender uma casa? Comemorar um Sabbat?Antes de iniciar qualquer trabalho mágico, você deve ter um firme aperto sobre o resultado que você está procurando. 

Saber o melhor momento para trabalhar a ortografia 
Você sabe que tipo de magia deve ser trabalhado durante a lua minguante e que tipo durante a lua crescente? Que tipo de magia é a melhor ,trabalhou na lua cheia? A lua nova? O que dias da semana são os melhores para que tipos de magia? Saiba  como as fases da lua e os dias da semana afetam funcionamento magico assim você saberá quando está sendo o seu trabalho de magia. 

Saber  Correspondências 
Saiba quais cores irão trazer melhores  resultados. Aprenda  um pouco sobre fitoterapia; que as ervas podem ser usadas para que fins mágicos. Saiba mais sobre a magia da imagem e como ele funciona. Saiba mais sobre a magia elemental, quais elementos podem ser usados ​​para quais tipos de magia. 

Esboço ortográfica básica de Trabalho Preparação Ritual 
Escolha a hora. Decidir a intenção. Escolha um aspecto do Divino, se desejar. Decidir como aumentar a energia (ou seja: dança, canto, tambores, etc) Escolha como elenco e como fechar o círculo. 

Limpar a si mesmo e seu espaço mágico. 
Você pode fazer isso com um banho de limpeza , para si mesmo, ou através da meditação, ainda e focar a sua mente. Você pode limpar o seu espaço com sua vassoura mágica ou com ervas ou queima incenso. 

Elenco do Círculo Invocação do Divino Declaração do seu  propósito ,chamar forças divinas para o circulo,para o que deseja realizar.

Trabalho de magia

Aumente  a energia, através do canto ou percussão, ou no entanto o que você escolheu para fazê-lo. Direta ou canalizar essa energia por velas usando, ervas, pedras ou qualquer outras correspondências que você encontrou para atender sua necessidade específica. descanse sua energia quando tiver concluído o trabalho. 


Bolos e vinhos
 Coma um pequeno pedaço de pão ou biscoito e beba um pouco de vinho, leite ou suco para ajudar a restaurar sua energia.

Agradecendo ao Divino 
Feche o circulo.



resumindo cada coisa deve ser combinada ,deve ser analisada para o resultado desejado.

Continue reading